A FAPEU
NOTÍCIAS
Publicado em 06/12/2021 à 11:12:49
Por: Assessoria de Comunicação
Projeto desenvolvido na UFSC difunde os 17 objetivos sustentáveis da ONU
Programa Ceurs tem o objetivo de preparar agentes municipais de todo o país para o cumprimento da Agenda 2030

Um programa desenvolvido a partir da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) está capacitando agentes municipais de todo o país para o cumprimento da Agenda 2030, o plano de ação global que reúne os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) criados pela Organização das Nações Unidas (ONU). Os ODS visam a erradicar a pobreza e promover uma vida digna, justa e sustentável.

Resultado de uma ação integrada entre academia e poderes Legislativo e Executivo federais, o programa nacional de Capacitação e Estudos Urbanos Regionais para Sustentabilidade (Ceurs) também conta com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Extensão Universitária (Fapeu).
“Na UFSC, o (programa) Ceurs está estruturado em um subprojeto de pesquisa e outro de extensão. O primeiro visa à concepção e ao desenvolvimento das tecnologias Ceurs, e o segundo, à sua aplicação nos cursos de capacitação. Cabe à Fapeu fazer a gestão do subprojeto de extensão do Ceurs, onde estão tanto as contratações de serviços de terceiros (que viabilizam tanto os workshops quanto o sistema de apoio tutorial), bem como todos os serviços de compra e locomoção necessários ao Ceurs”, explica o coordenador do projeto, Roberto Carlos dos Santos Pacheco.

Gênese

O programa começou em dezembro de 2020 e está sendo desenvolvido em fases. A primeira tem Santa Catarina como estado-alvo e será concluída em outubro de 2022. A ideia do projeto surgiu com o professor Arlindo Philipi Jr., pesquisador do Centro de Síntese em Cidades Globais (CSCG), do Instituto de Estudos Avançados (IEA) da Universidade de São Paulo (USP), em seu estágio pós-doutoral no Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT/USA). Ao retornar, o professor procurou o coordenador Roberto Pacheco, do Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento (PPGEGC) da UFSC, para a criação de um programa nacional que oferecesse capacitação sobre a Agenda 2030.

“A proposta era a de que pudéssemos unir os trabalhos do Centro de Síntese em Cidades Globais e do Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento na formação de capital humano em desenvolvimento sustentável nas cidades do país. O CSCG/IEA-USP realizou os workshops em cidades globais sustentáveis, e o PPGEGC estruturou os projetos e criou um modelo de capacitação na municipalização da Agenda 2030 baseado nas visões de bem comum (commons), gestão participativa e, especialmente, o formato do programa, que é baseado em educação digital e neoaprendizagem”, lembra o professor Roberto Pacheco.

Para a produção, desenvolvimento e aplicação, o projeto contou com recursos do gabinete da deputada federal Ângela Amin. “O projeto foi viabilizado por emendas parlamentares da deputada Ângela, por isso começa em Santa Catarina a sua fase piloto de utilizar a educação digital como plataforma de capacitação para o desenvolvimento sustentável nas cidades”, explica Pacheco.

Concepção

Com apoio do Centro de Síntese em Cidades Globais da USP, o Ceurs teve concepção e desenvolvimento pelo Grupo de Pesquisa de Coprodução de Commons Digitais do PPGEGC da UFSC. Para os demais estados do país, o programa contará com a parceria da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, da USP e de outras instituições federais de ensino superior dos respectivos estados. O lançamento oficial do programa ocorreu em 19 de outubro de 2021 em uma live no canal do Youtube do Ceurs em https://abre.ai/programaceurs

As capacitações são ofertadas por plataforma de educação digital, de modo online. Os cursos individuais são assíncronos e incluem tanto objetos de aprendizagem quanto atividades para serem cumpridas até a certificação.

Por outro lado, o curso para as equipes das cidades será ofertado em 2022 com equipe de tutores e monitores de apoio. “O curso individual é um instrumento de conscientização e promoção de engajamento local para a sustentabilidade. Já o curso para as equipes das cidades-alvo proverá, ainda, instrumentos aplicáveis na municipalização da Agenda 2030, como a elaboração de emendas parlamentares e/ou proposta orçamentária, elaboradas em coprodução com atores dos setores público (Legislativo e Executivo) e da sociedade civil organizada”, explica o coordenador do projeto.

Conteúdo

O conteúdo das capacitações do Ceurs parte do histórico e estrutura da Agenda 2030, organizada nos 17 objetivos do desenvolvimento sustentável, e a contextualiza como uma referência à visão da cidade como um bem comum, de responsabilidade compartilhada por todos os setores socioeconômicos da cidade. “A municipalização da Agenda 2030 requer conhecimentos sobre o desenvolvimento sustentável municipal. Para tal, os agentes municipais devem acessar objetos de aprendizagem elaborados para a compreensão e aplicação da municipalização”, observa o professor.

 

"Um dos consensos na busca da Agenda 2030 está no fato de que seus objetivos só poderão ser plenamente alcançados globalmente caso as localidades do planeta, os municípios, assumam suas respectivas responsabilidades. Desta forma, a demanda por capital humano capacitado em nível local é inexorável. E capacitar agentes nas cidades é prover um ambiente com agentes críticos e empoderados para promover a municipalização da Agenda 2030”, destaca Roberto Pacheco. Para inscrições e mais informações sobre o programa Ceurs, basta acessar http://ceurscapacitacao.egc.ufsc.br


PROJETO: PROGRAMA NACIONAL DE CAPACITAÇÃO E ESTUDOS URBANOS PARA SUSTENTABILIDADE (CEURS) / COORDENADOR: Roberto Carlos dos Santos Pacheco / rpacheco@egc.ufsc.br / UFSC / Engenharia de Gestão do Conhecimento / CTC / 4 participantes

 

Esta reportagem integra a edição número 13 da Revista da Fapeu que está disponível em http://www.fapeu.com.br/downloads/revista_da_fapeu_ano-xiii_numero_13.pdf

Últimas Notícias
Veja mais notícias da categoria >>
Veja outras notícias >>

Endereço: Rua Delfino Conti, s/nº , Campus Universitário, Bairro Trindade
Florianópolis/SC - CEP 88040-370 - Tel: (48)3331-7400. contato@fapeu.org.br
AC Cidade Universitária, Caixa Postal 5153, Bairro Trindade, Florianópolis/SC, CEP 88040-970
CNPJ: 83.476.911/0001-17 - Inscrição Estadual: ISENTO - Inscrição Municipal: 61.274-0
Horário de Funcionamento: Segunda a Sexta-feira das 8h às 12h e das 13h às 17h
Copyright© FAPEU - Todos os Direitos Reservados

. .